Reino Unido pode dar início ao Brexit já na semana que vem

De acordo com Enda Kenny, premiê irlandês, o Reino Unido pode dar início ao Brexit já na semana que vem; na terça feira (14) Theresa May apresentará na Câmara dos Comuns um relatório sobre a cúpula dos líderes da União Europeia realizada nesta semana em Bruxelas. A premiê britânica pode aproveitar a ocasião para declarar o início do processo de saída do Reino Unido da UE

Brexit
Brexit (Foto: Giuliana Miranda)

Da Sputnik Brasil

De acordo com Enda Kenny, premiê irlandês, o Reino Unido pode dar início ao Brexit já na semana que vem.

Na terça feira (14) Theresa May apresentará na Câmara dos Comuns um relatório sobre a cúpula dos líderes da União Europeia realizada nesta semana em Bruxelas. A premiê britânica pode aproveitar a ocasião para declarar o início do processo de saída do Reino Unido da UE.

"O próximo encontro dos líderes da União Europeia está marcado para 6 de abril, tendo em conta que a premiê britânica acionará o artigo 50 [do Tratado de Lisboa sobre a saída da UE] possivelmente até 15 de março. Depois da declaração seguirá a resposta do Conselho Europeu, e, no prazo de 48 horas, serão apresentadas as diretrizes. A reunião do Conselho Europeu onde essas diretrizes serão aprovadas terá lugar em 6 de abril", disse Enda Kenny, citado pelo canal britânico Sky News.

Para poder dar início ao Brexit, May precisa que na segunda-feira o projeto de lei seja aprovado pela Câmara dos Comuns e pela Câmara dos Lordes na terça-feira. Além disso, para entrar em vigor, o projeto de lei tem ainda que ser aprovado pela Rainha Elizabeth II.

Uma série tão longa de condições faz com que os cientistas políticos tenham dúvidas se Theresa May terá tempo de concluir o processo até 15 de março. Aliás, nesse dia serão realizadas eleições parlamentares nos Países Baixos e é muito provável que premiê britânica não queira dar início ao Brexit neste dia, frisam os especialistas.

O governo britânico não comunicou as datas exatas de começo do Brexit, mas prometeu acionar o artigo 50 do Tratado de Lisboa até o fim de março deste ano.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247