Residentes de Hong Kong organizam comício pedindo paz e estabilidade

Mais de 300 mil residentes de Hong Kong se reuniram na tarde do sábado para manifestar sua forte oposição à violência e firme apoio à polícia

Diário do Povo On Line - Mais de 300 mil residentes de Hong Kong se reuniram na tarde do sábado (20) para manifestar sua forte oposição à violência e firme apoio à polícia.

Eles apelaram também pela manutenção do estado de direito e proteção da paz e estabilidade em Hong Kong.

O Parque Tamar, na Ilha de Hong Kong, foi o local principal da série de comícios realizados em toda Hong Kong.

Mais de 10 navios de pesca com bandeiras escritas "Protejam Hong Kong" passaram pelo Victoria Harbor mostrando solidariedade.

No comício no Parque Tamar, Chan Cho-kwong, ex-presidente da Associação dos Agentes Júniores da Força Policial de Hong Kong, condenou a violência nos últimos dias e pediu por apoio para a polícia de Hong Kong e as suas famílias.

"Hong Kong tem sofrido com a violência e divisão nos últimos dias. Como cidadãos, nós saudamos opiniões diferentes mas nos opomos à violência", disse senhorita Ying, 28 anos, que participou da assembleia com seus amigos.

Cheng Chun-hei, estudante de pós-graduação da Universidade de Hong Kong, disse que os jovens e a sociedade estão enfrentando problemas, mas os problemas não podem ser resolvidos pela violência e meios ilegais.

Lo Chung-mau, chefe duma divisão do Queen Mary Hospital, confirmou que 192 médicos assinaram uma declaração de "Não Prejudiquem, mas Protejam Hong Kong", afirmando que Hong Kong está doente e ferida.

O povo de Hong Kong deve se acalmar e proteger Hong Kong, defendendo o espírito de unidade, trabalho diligente e prospectivo, disse Lo.

"Estamos aqui manifestando a paz e a harmonia, em vez da violência. Seja o que for que aconteça, podemos nos esforçar juntos para resolver os problemas", afirmou Allan Zeman, presidente da Lan Kwai Fong Holdings ltd.

Durante o evento, os representantes de cinco importantes associações de negócios de Hong Kong solicitaram o retorno do ambiente de negócios estável.

No fim do evento, representantes de todos os setores de Hong Kong leram em voz alta a declaração "Proteger Hong Kong" e cantaram juntos com os participantes o Below the Lion Rock, um canção famosa em Hong Kong representando o espírito diligente e prospectivo do povo de Hong Kong.

"Queremos o estado de direito! Queremos a paz! Queremos a estabilidade! Devemos nos unir!"

De acordo com os organizadores, além do Parque Tamar, houve 3 locais com comícios menores em Hong Kong.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247