Rússia diz que não está interessada em corrida armamentista

O chanceler russo, Sergei Lavrov declarou que seu país está pronto para tentar salvar o Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF, na sigla em inglês)

Rússia diz que não está interessada em corrida armamentista
Rússia diz que não está interessada em corrida armamentista (Foto: REUTERS/Sergei Karpukhin)

247, com Sputnik - O chanceler russo, Sergei Lavrov declarou que seu país está pronto para tentar salvar o Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF, na sigla em inglês).

Ao mesmo tempo, ele observou que a Rússia não vai ignorar o surgimento de novos mísseis dos EUA em caso de sua saída do Tratado INF e poderá fortalecer seu potencial de defesa.

"Temos que advertir: não podemos e não vamos ignorar o surgimento de novos mísseis norte-americanos que representem ameaça para nós e nossos aliados. Não deve haver nenhuma dúvida de que temos o necessário para garantir a própria segurança, além de sermos capazes de fortalecer nosso potencial de defesa", disse Lavrov à Sputnik.

O abandono do Tratado pelos EUA poderá prejudicar seriamente a segurança internacional e a estabilidade estratégica, acrescentou.

"No entanto, a Rússia, como qualquer país racional, não tem interesse na corrida armamentista e em novas 'crises de mísseis'", ressaltou o ministro das Relações Exteriores da Rússia.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247