Rússia é suspeita de envolvimento em 14 mortes no Reino Unido

Ministra do Interior britânica, Amber Rudd, disse que a polícia e os serviços de segurança do país irão investigar alegações de envolvimento do Estado russo em diversas mortes no Reino Unido nos últimos ano; presidente da Comissão de Assuntos Internos do Parlamento escreveu à ministra pedindo pela revisão de 14 mortes que, originalmente, não haviam sido tratadas como suspeitas pela polícia, mas que foram repetidamente ligadas à Rússia em reportagens da mídia

Britain's Home Secretary Amber Rudd's speaks after retaining her seat at a counting centre for Britain's general election in Hastings, June 9, 2017. REUTERS/Kevin Coombs
Britain's Home Secretary Amber Rudd's speaks after retaining her seat at a counting centre for Britain's general election in Hastings, June 9, 2017. REUTERS/Kevin Coombs (Foto: Paulo Emílio)

Reuters - A ministra do Interior britânica, Amber Rudd, disse que a polícia e os serviços de segurança do país irão investigar alegações de envolvimento do Estado russo em diversas mortes no Reino Unido nos últimos anos, mostrou carta publicada nesta terça-feira.

Na semana passada, o presidente da Comissão de Assuntos Internos do Parlamento escreveu à ministra pedindo pela revisão de 14 mortes que, originalmente, não haviam sido tratadas como suspeitas pela polícia, mas que foram repetidamente ligadas à Rússia em reportagens da mídia.

"Vou querer me certificar de que as alegações não são nada mais do que isso", disse Amber Rudd em resposta publicada nesta terça-feira."A polícia e o (serviço de inteligência do Reino Unido) MI5 concordam e irão auxiliar nesse empenho".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247