Rússia vai suspender fornecimento de eletricidade à Finlândia

Entregas de energia serão suspensas por falta de pagamento, diz operadora da rede

www.brasil247.com -
(Foto: ABr)


RT - A concessionária russa Inter RAO deixará de exportar eletricidade para a Finlândia a partir de 14 de maio, disse a empresa de rede finlandesa nesta sexta-feira.

De acordo com Fingrid, citando a Inter RAO, o comércio de eletricidade importada da Rússia será suspenso devido a dificuldades no recebimento de pagamentos pela eletricidade vendida no mercado.

“Somos forçados a suspender a importação de eletricidade a partir de 14 de maio”, disse a RAO Nordic, subsidiária da Inter RAO na Finlândia, acrescentando que “não é capaz de fazer pagamentos pela eletricidade importada da Rússia”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fingrid disse que “não há ameaça à adequação da eletricidade na Finlândia”, observando que a energia da Rússia representava apenas 10% do consumo total da Finlândia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A oferta reduzida pode ser compensada pelo aumento das importações da Suécia, bem como parcialmente pela produção doméstica, disse o vice-presidente sênior da Fingrid, Reima Päivinen.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Fingrid disse no mês passado que restringiria a capacidade de transmissão de conexões transfronteiriças da Rússia, em um esforço para salvaguardar a segurança de seu sistema de energia.

A mídia finlandesa também informou que a Rússia poderia parar de fornecer gás natural à Finlândia na sexta-feira devido à tentativa do país de ingressar na OTAN. A Rússia não confirmou os relatórios.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email