Senado do Chile aprova casamento entre pessoas do mesmo sexo

O projeto de lei agora será apreciado pela Câmara dos Deputados

Bandeira do arco-íris, conhecida como bandeira do orgulho gay
Bandeira do arco-íris, conhecida como bandeira do orgulho gay (Foto: REUTERS/Shannon)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O Senado chileno aprovou, por 28 votos a 13, nesta quarta-feira (21) o projeto de lei que legaliza o casamento igualitário, ou seja, entre pessoas do mesmo sexo. 

Agora, a Câmara dos Deputados fica encarregada de também votar o projeto para, enfim, colocar a medida em vigor.

O projeto tramita no Congresso do Chile desde 2017, mas somente agora avançou, principalmente por conta da mudança de posição do presidente do país, Sebastián Piñera.

PUBLICIDADE

Desde 2015 o Chile reconhece a união civil entre pessoas do mesmo sexo, mas a situação não tem peso jurídico de casamento.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email