Senador norte-americano ameaça Rússia com 'medidas draconianas'

Em entrevista ao jornal russo Kommersant, o senador norte-americano, John Neely Kennedy fez ameaças à Rússia, país que visitou nos primeiros dias de julho

Senador norte-americano ameaça Rússia com 'medidas draconianas'
Senador norte-americano ameaça Rússia com 'medidas draconianas'

247, com Sputnik - O senador norte-americano John Neely Kennedy, que recentemente visitou a Rússia, ameaçou o país com possíveis "medidas draconianas" em caso de interferência russa nas eleições do Congresso em novembro, segundo disse em uma entrevista para o jornal russo Kommersant.

"As autoridades russas dizem que as sanções não prejudicaram a Rússia, mas isso não é assim. E eu espero que não tenhamos que introduzir medidas draconianas contra a Rússia. Se observarmos uma intervenção em novembro, não teremos outra escolha", disse Kennedy.

Kennedy não especificou a que medidas estava se referindo, mas sublinhou que a reação seria "instantânea e muito dura".

Segundo o senador, ele pessoalmente gostaria de estabelecer relações normais com a Rússia, mas para isso as autoridades russas devem "mudar seu comportamento".

O jornalista do Kommersant referiu que as autoridades russas negaram todas as acusações sobre a alegada intervenção nas eleições presidenciais nos EUA.

"Eu ouvi isso. Mas não é bem assim", alegou o senador sem mostrar provas durante a conversa com a publicação russa.

A delegação norte-americana chegou a Moscou em 30 de junho. Na terça-feira (3/7) houve um encontrou com o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov. Anteriormente, John Bolton, assessor de Segurança Nacional dos EUA, também visitou a Rússia.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247