Trump nomeia general linha-dura como secretário de Defesa

Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que irá nomear o general da reserva dos fuzileiros navais James Mattis, conhecido como "Cachorro Louco" e famoso por seus argumentos firmes e a experiência em campos de batalha no Iraque e Afeganistão, para liderar o Pentágono; "Vamos nomear 'Cachorro Louco' Mattis como nosso secretário de Defesa", disse Trump 

FILE PICTURE: U.S. President-elect Donald Trump stands with retired Marine Gen. James Mattis following their meeting at the main clubhouse at Trump National Golf Club in Bedminster, New Jersey, U.S., November 19, 2016. REUTERS/Mike Segar/File Photo
FILE PICTURE: U.S. President-elect Donald Trump stands with retired Marine Gen. James Mattis following their meeting at the main clubhouse at Trump National Golf Club in Bedminster, New Jersey, U.S., November 19, 2016. REUTERS/Mike Segar/File Photo (Foto: Paulo Emílio)

Reuters - O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, disse na noite de quinta-feira que irá nomear o general da reserva dos fuzileiros navais James Mattis, conhecido como "Cachorro Louco" e famoso por seus argumentos firmes e a experiência em campos de batalha no Iraque e Afeganistão, para liderar o Pentágono.

"Vamos nomear 'Cachorro Louco' Mattis como nosso secretário de Defesa", disse Trump em evento em Cincinnati. Ele disse que o anúncio formal será feito na segunda-feira.

A escolha de um estrategista militar experiente é mais uma indicação de que Trump, um republicano, busca afastar a política externa dos EUA da política do presidente Barack Obama, um democrata, de depender principalmente aliados na luta contra militantes islâmicos e para ajudar a deter agressões russas e chinesas na Europa e Ásia.

Mattis é conhecido por sua desconfiança com o Irã.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247