Twitter marca mais um tuíte de Trump por fake news sobre Covid-19

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse na rede social que era imune ao coronavírus

Apoiador de Trump compra parte do Twitter.
Apoiador de Trump compra parte do Twitter. (Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

BANGALORE, Índia (Reuters) - O Twitter marcou neste domingo mais um tuíte do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, no qual ele afirmou ser imune ao coronavírus. 

Para o Twitter, o comentário de Trump viola as regras da plataforma sobre disseminação de informações mentirosas e potencialmente prejudiciais relacionadas à Covid-19. 

“Uma autorização total e completa dos médicos da Casa Branca ontem. Isso significa que eu não posso ser contaminado (imune), e não posso transmitir. Muito bom saber!!!”, escreveu Trump no tuíte marcado.

Sobre a mensagem de Trump, o Twitter publicou o alerta: “Este tuíte violou as regras do Twitter sobre a divulgação de informações enganosas e potencialmente prejudiciais relacionadas ao Covid-19. No entanto, o Twitter determinou que pode ser do interesse público que o tuíte permaneça acessível.”

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247