Aécio e Dilma desejam ver Serra fora do PSDB

Enquanto o senador mineiro pretende tirar o ex-governador de São Paulo do caminho para viabilizar sua candidatura, a presidente quer ver enfraquecido o projeto político de Aécio Neves; o PT acredita até que, num caso de segundo turno, o ex-governador paulista poderia apoiar Dilma

Enquanto o senador mineiro pretende tirar o ex-governador de São Paulo do caminho para viabilizar sua candidatura, a presidente quer ver enfraquecido o projeto político de Aécio Neves; o PT acredita até que, num caso de segundo turno, o ex-governador paulista poderia apoiar Dilma
Enquanto o senador mineiro pretende tirar o ex-governador de São Paulo do caminho para viabilizar sua candidatura, a presidente quer ver enfraquecido o projeto político de Aécio Neves; o PT acredita até que, num caso de segundo turno, o ex-governador paulista poderia apoiar Dilma (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Se José Serra decidir mesmo deixar o PSDB, tanto o presidente nacional do partido, Aécio Neves, como a presidente Dilma Rousseff devem comemorar. Isso porque enquanto o primeiro quer tirar o tucano paulista do caminho para viabilizar sua candidatura, Dilma que ver enfraquecido o projeto do senador, o que aconteceria com a saída de Serra.

A análise foi publicada hoje na coluna política de Ilimar Franco, do jornal O Globo:

Fora, Serra
O presidente do PSDB, Aécio Neves, e a presidente Dilma têm interesse direto em ver José Serra deixando os tucanos. Aécio quer Serra fora do partido porque deseja tirá-lo do caminho e consolidar sua candidatura. Dilma quer que ele saia porque deseja enfraquecer a candidatura de Aécio. Os petistas acreditam que, em caso de segundo turno, Serra poderia apoiar Dilma.

O tucano abre o coração
Na reunião com dirigentes do PPS, anteontem, José Serra abriu o jogo interno do PSDB. Ele reconheceu que entre prometer apoio e a realidade tem uma distância. Mas relatou animado que os governadores Geraldo Alckmin (SP) e Beto Richa (PR) prometeram apoio às prévias. Comentou que Aécio Neves ficou desanimado com a recente pesquisa Datafolha. E contou que seu grande aliado, o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), o desencorajou dizendo: "Tenho dúvida sobre a realização de prévias, pois o partido é refratário à ideia". Aloysio também advertiu Serra, afirmando: "A posição de Aécio Neves no PSDB está consolidada".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email