Berzoini: “Vamos trabalhar para barrar o golpe”

Em coletiva, ministro da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, afirmou que o governo decide "entre hoje e amanhã" se vai ao Supremo contestar processo de impeachment e diz ter votos suficientes contra o afastamento da presidente Dilma; "Vamos trabalhar para barrar o golpe", afirmou

Brasília - O ministro da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, fala a imprensa no Palácio do Planalto(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Brasília - O ministro da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, fala a imprensa no Palácio do Planalto(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil) (Foto: Gisele Federicce)

247 - O ministro da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, afirmou nesta quarta-feira 13, em coletiva de imprensa, que o governo decide "entre hoje e amanhã" se vai ao Supremo Tribunal Federal (STF) contestar o processo de impeachment que corre na Câmara dos Deputados.

O ministro assegurou que o governo tem votos suficientes contra o afastamento da presidente Dilma Rousseff em plenário, que começa a ser discutido na sexta-feira, dia 15. "Vamos trabalhar para barrar o golpe", afirmou.

Pouco antes, em discurso no Paraná, a presidente afirmou ter certeza de que os brasileiros estarão ao lado dela e o golpe será derrotado. "Tenho certeza que os brasileiros estarão ao meu lado e no dia 15 nós vamos vencer a batalha contra golpe", disse. "A partir da próxima semana, com essa página virada, vamos iniciar a repactuação para superar a crise", afirmou (leia mais).

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247