Brito sobre Jucá: é Lula quem apequena o Supremo, D. Cármen?

O STF arquivou um caso contra o senador Romero Jucá por prescrição, 14 anos após a abertura do inquérito; contra Lula, o TRF4 apressou-se em julgar o caso e aumentou a pena para 12 anos e um mês justamente para evitar a prescrição; diante dos dois casos, o jornalista Fernando Brito, do blog Tijolaço pergunta se "é Lula quem apequena o Supremo, ministra Cármen Lúcia?"

cármen lúcia
cármen lúcia (Foto: Charles Nisz)

Fernando Brito, no Blog Tijolaço - O Globo noticia que, depois de 14 anos, o Supremo Tribunal Federal arquivou, por prescrição, um inquérito que apurava a participação do senador Romero Jucá no desvios de verbas federais para o município de Cantá, em Roraima, estado pelo qual ele se elege.

O caso se deu em 2001 e, como a pena máxima era de 16 anos, o prazo prescricional venceu no ano passado.

Como se vê, com Jucá, pode. Com Lula, correu-se para julgar e, caprichosamente, o TRF-4 elevou a pena para 12 anos e um mês, a “conta do chá” para evitar a prescrição, uma vez que, como o ex-presidente tem mais de 70 anos, a prescrição se daria com seis anos.

Jucá, como a imagem recorda, é aquele que foi gravado prevendo o golpe que levaria Michel Temer à presidência, falando de um acordo “com o Supremo, com tudo”.

A D. Cármen Lúcia, valente, disse que não estava disposta a pautar o Supremo pelo caso Lula, porque isso seria “apequená-lo”.

Certo, Doutora. O caso Jucá certamente o engrandece, não é?

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247