Campos critica PSDB e alfineta Lula

Presidenciável do PSB, Eduardo Campos voltou a atacar o PSDB nesta quinta (29), durante visita ao interior de São Paulo; segundo ele, o PSDB teve a chance de colocar o Brasil para crescer em um ritmo mais acelerado e não o fez; sobre o ex-presidente Lula, o ex-governador de Pernambuco falou que o petista tinha aprovação da população, "apesar das deficiências de seu governo"

Presidenciável do PSB, Eduardo Campos voltou a atacar o PSDB nesta quinta (29), durante visita ao interior de São Paulo; segundo ele, o PSDB teve a chance de colocar o Brasil para crescer em um ritmo mais acelerado e não o fez; sobre o ex-presidente Lula, o ex-governador de Pernambuco falou que o petista tinha aprovação da população, "apesar das deficiências de seu governo"
Presidenciável do PSB, Eduardo Campos voltou a atacar o PSDB nesta quinta (29), durante visita ao interior de São Paulo; segundo ele, o PSDB teve a chance de colocar o Brasil para crescer em um ritmo mais acelerado e não o fez; sobre o ex-presidente Lula, o ex-governador de Pernambuco falou que o petista tinha aprovação da população, "apesar das deficiências de seu governo" (Foto: Valter Lima)

247 - O presidenciável do PSB, Eduardo Campos, voltou a atacar o PSDB nesta quinta-feira (29), durante visita a Araraquara, no interior de São Paulo. Segundo ele, o PSDB teve a chance de colocar o Brasil para crescer em um ritmo mais acelerado e não o fez. Sobre o ex-presidente Lula, o ex-governador de Pernambuco falou que o petista tinha aprovação da população, "apesar das deficiências de seu governo".

Campos voltou a falar sobre a declaração de Marina Silva, que disse que o PSDB tinha cheiro de derrota. O ex-governador de Pernambuco disse que o partido perdeu as últimas eleições por causa do Nordeste. "Nos últimos anos, o PSDB perdeu as eleições e perdeu no Nordeste, que é de onde eu venho. Por isso, aceitei a convocação do meu partido para conseguir superar o atual governo", disse.

Comparando a presidente Dilma com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Campos disse que Lula tinha aprovação da população, "apesar das deficiências de seu governo". "Já a Dilma tem sido reprovada pela população. Se ela estivesse em uma sala de aula teria que repetir de ano. Ela prometeu aos eleitores que seria uma faxineira, mas não fez a faxina que prometeu no Brasil", disse Campos.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247