Cantalice: Usurpadores usam terrorismo para tentar sobreviver

"Os usurpadores perderam completamente o senso do ridículo. Na falta de qualquer justificativa plausível para impor a exdrúxula "reforma" da Previdência, resolveram pela via da marquetagem assombrar a população", criticou o vice-presidente e secretário de Comunicação do PT, Alberto Cantalice, a respeito da propaganda em que o PMDB diz que programas sociais irão acabar se o texto da reforma não for aprovado; senador Lindbergh Farias (PT-RJ) chamou o anúncio de "picaretagem"

"Os usurpadores perderam completamente o senso do ridículo. Na falta de qualquer justificativa plausível para impor a exdrúxula "reforma" da Previdência, resolveram pela via da marquetagem assombrar a população", criticou o vice-presidente e secretário de Comunicação do PT, Alberto Cantalice, a respeito da propaganda em que o PMDB diz que programas sociais irão acabar se o texto da reforma não for aprovado; senador Lindbergh Farias (PT-RJ) chamou o anúncio de "picaretagem"
"Os usurpadores perderam completamente o senso do ridículo. Na falta de qualquer justificativa plausível para impor a exdrúxula "reforma" da Previdência, resolveram pela via da marquetagem assombrar a população", criticou o vice-presidente e secretário de Comunicação do PT, Alberto Cantalice, a respeito da propaganda em que o PMDB diz que programas sociais irão acabar se o texto da reforma não for aprovado; senador Lindbergh Farias (PT-RJ) chamou o anúncio de "picaretagem" (Foto: Gisele Federicce)

247 - O vice-presidente e secretário de Comunicação do PT, Alberto Cantalice, chamou de terrorista a propaganda do PMDB sobre a reforma da previdência, em que o partido de Michel Temer diz que programas sociais irão acabar se o texto proposto por seu governo não for aprovado no Congresso (leia mais).

"Os usurpadores perderam completamente o senso do ridículo. Na falta de qualquer justificativa plausível para impor a exdrúxula "reforma" da Previdência, resolveram pela via da marquetagem assombrar a população", criticou Cantalice.

"Fica cada dia mais claro a ausência de alternativas por parte desse governo ilegítimo. Vendo sua equipe de desgoverno cair como um castelo de cartas, os usurpadores se apegam ao terrorismo midiático para tentar sobreviver", completa o dirigente petista.

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) chamou de "picaretagem" a postagem do PMDB. "As definições de PICARETAGEM foram atualizadas: PMDB MENTE e MANIPULA os dados da Previdência para atacar os direitos dos trabalhadores, e a propaganda oficial do partido tenta CHANTAGEAR a sociedade ao dizer que a extinção da aposentadoria é necessária para manter os programas sociais que já se encontram sob ataque do governo Temer!", postou o senador no Facebook.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247