Dilma contraria bancada do PR e divide sigla

Parlamentares não concordam com a preferência declarada da presidente pelo ex-senador baiano e hoje vice-presidente do Banco do Brasil César Borges para o ministério dos Transportes e ameaçam até a embarcar no projeto presidencial do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB)

Dilma contraria bancada do PR e divide sigla
Dilma contraria bancada do PR e divide sigla
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um impasse para a escolha do novo ministro dos Transportes provocou um racha no PR, partido aliado. A preferência declarada da presidente Dilma Rousseff pelo ex-senador baiano e hoje vice-presidente do Banco do Brasil César Borges contrariou os deputados federais. Rachada, parte da bancada cogita até embarcar no projeto presidencial do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB).

O presidente do PR, senador Alfredo Nascimento (AM), apoia a sondagem feita pelo governo para emplacar Borges. Mas desde que foi derrubado do cargo em 2011 na “faxina” administrativa, perdeu a unanimidade dentro do partido.

Nesse impasse, o governo demorou a anunciar a escolha para os Transportes, o que levou o líder do partido na Câmara, Anthony Garotinho (RJ), a dizer que “o PR está muito magoado com a presidente Dilma”.

Segundo o Estadão, numa referência indireta a Campos, Garotinho disse que o PR é “indispensável para inviabilizar o projeto dos adversários” do PT na campanha presidencial do ano que vem. “Ela (Dilma) não precisa do tempo do PR, porque tem o do PT, do PMDB, entre tantos, mas também não quer que nosso tempo vá para outros candidatos”, afirmou Garotinho, em alusão ao espaço de 1 minuto e 10 segundos que a sigla tem na propaganda política de TV.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email