FHC pede que Alckmin e Aécio alinhem discursos

Senador Aécio Neves participou neste domingo em ato contra Dilma; já o governador Geraldo Alckmin tem defendido cautela sobre o afastamento da presidente agora; em seu apartamento, em São Paulo, FHC, que defendeu a renúncia como "um gesto de grandeza", teria dito que o partido deveria assumir uma só linha sobre as alternativas para o país sair da crise

Senador Aécio Neves participou neste domingo em ato contra Dilma; já o governador Geraldo Alckmin tem defendido cautela sobre o afastamento da presidente agora; em seu apartamento, em São Paulo, FHC, que defendeu a renúncia como "um gesto de grandeza", teria dito que o partido deveria assumir uma só linha sobre as alternativas para o país sair da crise
Senador Aécio Neves participou neste domingo em ato contra Dilma; já o governador Geraldo Alckmin tem defendido cautela sobre o afastamento da presidente agora; em seu apartamento, em São Paulo, FHC, que defendeu a renúncia como "um gesto de grandeza", teria dito que o partido deveria assumir uma só linha sobre as alternativas para o país sair da crise (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Logo após defender nas redes sociais a renúncia da presidente Dilma Rousseff como "um gesto de grandeza", o ex-presidente FHC se reuniu com Aécio Neves e Geraldo Alckmin para que alinhem seus discursos. Os dois disputam a vaga do partido para concorrer à Presidência em 2018.

Aécio participou neste domingo em ato contra Dilma. Já Alckmin, tem defendido cautela sobre o afastamento da presidente agora.

Em seu apartamento, em São Paulo, FHC teria dito que o partido deveria assumir uma só linha sobre as alternativas para o país sair da crise.

Leia aqui reportagem de Daniela Lima sobre o assunto.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email