Ibope sobre 2014 mostra empate entre Aécio e Serra

Pesquisa que indicou potencial de voto de 76% para a presidente Dilma Rousseff na sucessão presidencial de 2014 mostra também que os potenciais de voto do senador Aécio Neves (41%) e do ex-governador José Serra (42%) entre os eleitores que dizem conhecê-los é quase idêntico; a diferença é que o mineiro tem mais espaço para conquistar novos eleitores, já que é menos conhecido, e o paulista tem uma rejeição bem maior, de 50% do eleitorado

Ibope sobre 2014 mostra empate entre Aécio e Serra
Ibope sobre 2014 mostra empate entre Aécio e Serra
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Levando em conta apenas os eleitores os conhecem, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o ex-governador José Serra (PSDB) têm potencial de voto para 2014 quase idêntico, indica a pesquisa Ibope/Estadão que apontou potencial de voto de 76% para a presidente Dilma Rousseff em 2014. Há duas diferenças entre os dois, contudo, que apontam um caminho mais fácil para Aécio na disputa por eleitores.

Se todos os presidenciáveis (Dilma, Aécio, Marina Silva, Eduardo Campos, etc) tivessem o mesmo grau de conhecimento pelo eleitor, a presidente Dilma Rousseff continuaria franca favorita, mas, Aécio (41%) alcançaria potencial de voto equivalente de Serra (42%). Só que Serra já é conhecido por 86% do eleitorado e tem 50% de rejeição, enquanto Aécio é conhecido por 61% e rejeitado por 36%. "Apesar de os dois estarem tecnicamente empatados quando excluímos quem diz desconhecer os candidatos, Aécio teria mais espaço para conquistar novos eleitores", disse Marcia Cavallari, CEO do Ibope Inteligência, ao blog de José Roberto de Toledo.

No cenário em se considera apenas o universo de eleitores que conhecem aquele candidato, Dilma sobe e chega a um potencial de 79%, enquanto Marina permanece no segundo lugar, mas com potencial de 50% -- há eleitores que admitem votar em mais de um candidato. Marina, aliás, é a candidata que mais ganharia, segundo a pesquisa, com a perda de popularidade de Dilma, já que, dos eleitores entrevistados, 41% dizem que votariam tanto numa quanto na outra.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email