Oposição reage à posse de Genoino: "aberração"

"É muito confortável burlar as leis, promover um esquema de compra de votos dentro do Congresso e depois dizer: fiz pelo povo", criticou o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS). Para o líder do PPS, deputado Rubens Bueno, quem perde é a Câmara. Já o deputado Domingos Sávio (PSDB-MG) aproveitou para mirar no PT: “Isso mostra que eles são hipócritas, que a lei só vale para os adversários"

Oposição reage à posse de Genoino: "aberração"
Oposição reage à posse de Genoino: "aberração"
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Deputados da oposição não perdoaram a posse do ex-presidente do PT José Genoino na Câmara dos Deputados após a condenação no julgamento do mensalão. As palavras mais fortes partiram do deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que publicou um duro texto em seu blog, classificando a posse do petista como uma "aberração política". "Genoino, mesmo as vésperas de encarar o xilindró, não perde a pose de soldado da revolução. Será que ele tomaria a pílula de cianureto como os nazistas presos, num ato extremo de sacrifício por sua fidelidade ao partido? Duvido, para isto precisa de coragem e uma boa dose de loucura", escreveu o democrata (leia o texto completo).

O líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno (PR), disse que a posse de Genoino causa danos à imagem do Legislativo. "Ele foi condenado e não há como negar que há um desgaste para o Parlamento brasileiro, que já tem outros três deputados condenados exercendo o mandato", disse. "É direito dele assumir. De minha parte, não fico constrangido, gosto muito dele, que tem uma bela história. É triste o que aconteceu. Agora, a Câmara não pode parar ou criar atritos com outro Poder por conta de uma questão já decidida pela mais alta Corte do país", acrescentou.

O deputado Chico Alencar (PSol-RJ) comentou o caso pelo Twitter. "'Mensalão' fez Genoíno renunciar à presidência do PT e a cargo no Min. da Defesa de Dilma. Assumir na Câmara ñ tem problema?", questionou o deputado socialista. Para o deputado Domingos Sávio (PSDB-MG), a posse de Genoino mostra que o PT se julga acima da lei. “Isso mostra que eles são hipócritas, que a lei só vale para os adversários. Eles querem perpetuar a ditadura populista no Brasil", disse. "Para o PT, a lei só pode funcionar para os inimigos, os adversários políticos. Quando a lei condena os petistas, ela é injusta”, atacou.

Sávio disse que o País reflita sobre a postura do PT. “Sempre que ocorre qualquer situação fora do PT, o partido é o primeiro a se levantar como guardião da moralidade e da ética. Já José Genoino, condenado no Supremo, está sendo louvado pelo partido como se fosse uma vítima do sistema. Isso é hipocrisia, o PT que vive pregando uma coisa e fazendo outra”, criticou o tucano. “O PT precisa olhar para o próprio umbigo, porque tem dado um péssimo exemplo de incoerência e irresponsabilidade no exercício do poder”, finalizou.

Ausentes

Apesar dos protestos, o único integrante do PSDB no Congresso nesta quinta-feira era o deputado Eduardo Gomes (TO), primeiro-secretário da Câmara, que conduziu a cerimônia de posse. Para ele, "não existe nada ilegal na posse em si", já que o processo do mensalão ainda não transitou em julgado, ou seja, não foi encerrado do ponto de vista dos recursos judiciais.

"Seria constrangedor não dar posse. Temos que respeitar os mecanismos de recurso", destacou. O tucano evitou fazer avaliações sobre a questão moral de um parlamentar assumir o mandato nessas condições. Eduardo Gomes não soube responder por que os líderes da oposição não foram a Brasília para questionar pessoalmente a volta de Genoíno à Câmara. O parlamentar acredita que os pronunciamentos em plenário sobre o assunto devem ocorrer apenas em fevereiro, na volta do recesso.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email