Para se salvar, Temer terá que pagar deputados à vista desta vez

Parlamentares dizem que compromissos para salvar Temer de primeira denúncia ainda não foram cumpridos e querem liberação de emendas e nomeações antes de nova votação; ou seja: para conseguir escapar, o peemedebista precisará pagar à vista aos deputados

O presidente brasileiro Michel Temer participa de reunião no Palácio do Planalto em Brasília 12/09/2017 REUTERS/Adriano Machado
O presidente brasileiro Michel Temer participa de reunião no Palácio do Planalto em Brasília 12/09/2017 REUTERS/Adriano Machado (Foto: Giuliana Miranda)

247 - Deputados do centrão vão intensificar, a partir da semana que vem, a cobrança por cargos e liberação de emendas para salvar Michel Temer da segunda denúncia na Câmara. E, diferentemente da primeira acusação, vão cobrar agora o valor à vista, e antes mesmo da nova votação.

O BuzzFeed News ouviu integrantes do PP, PR e Solidariedade que, em conversas informais, queixaram-se de não terem recebido o prometido após liberarem Temer de sua primeira denúncia.

Todos disseram que Temer prometeu cargos no segundo e terceiro escalão do governo, além da liberação de emendas, mas boa parte dos indicados ainda não foram nomeados e o dinheiro para as bases está aquém do esperado.

Um importante líder do centrão explicou o caso da seguinte maneira: “na primeira denúncia nos deram um cheque pré-datado que ainda não foi compensado, queremos agora o pagamento à vista”.

Segundo estes deputados, a cobiça ao primeiro escalão do governo, com o pedido de substituição do ministro Antonio Imbassahy, do PSDB, por alguém do centrão, é mais um jogo de pressão do que realmente um pedido específico.

A avaliação de parte da base de Temer é que Imbassahy se tornou um “amigo e confidente” do presidente, por isso, o pedido de seu cargo está mais ligado à estratégia de obter os cargos no segundo e terceiro escalão, bem como à liberação de emendas, do que com a real intenção de obter o ministério.

As informações são de reportagem de Severino Motta no BuzzFeed News

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247