Petistas querem comissão de ética interna para Vargas

Grupo composto por três integrantes do PT para ouvir as explicações do deputado André Vargas (PT-PR) sobre suas ligações com o doleiro preso Alberto Youssef recomendou a criação de uma comissão de ética no partido para avaliar o caso; documento foi assinado por um dos vice-presidentes do PT, Alberto Cantalice, pelo secretário de organização, Florisvaldo Souza, e pelo secretário de formação, Carlos Árabe

Petistas querem comissão de ética interna para Vargas
Petistas querem comissão de ética interna para Vargas

247 - O grupo composto por três integrantes do PT para ouvir as explicações do deputado André Vargas (PT-PR) sobre suas ligações com o doleiro preso Alberto Youssef recomendou a criação de uma comissão de ética no partido para avaliar o caso. Um relatório com a recomendação e as explicações do parlamentar foi entregue no início da semana ao presidente nacional do partido, Rui Falcão, e será encaminhado aos integrantes da Executiva Nacional na terça-feira.

Em reunião extraordinária na semana que vem, o colegiado decidirá se segue ou não a orientação de instaurar imediatamente uma comissão de ética que pode advertir, suspender ou até mesmo expulsar Vargas do partido. O documento foi assinado por um dos vice-presidentes do PT, Alberto Cantalice, pelo secretário de organização, Florisvaldo Souza, e pelo secretário de formação, Carlos Árabe. Os três ouviram Vargas na última sexta-feira pela manhã em São Paulo.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247