Prefeito tucano diz que Alckmin não serve para dirigir o país

Nome histórico do PSDB, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio (PSDB), declarou apoio a presidenciável Marina Silva (Rede) e criticou o candidato do seu partido, Geraldo Alckmin; "O apoio a Marina Silva foi, de certa forma, um processo complexo, porque ele implica no meu rompimento com a candidatura do Alckmin. Ele não serve para dirigir o país e não reúne condições de liderança para tanto”, afirmou

Prefeito tucano diz que Alckmin não serve para dirigir o país
Prefeito tucano diz que Alckmin não serve para dirigir o país
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Militante histórico do PSDB, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), declarou apoio a presidenciável Marina Silva (Rede) durante visita dela ao Amazonas nesta sexta-feira (28). Os dois ficaram lado a lado durante entrevista coletiva onde defenderam  a Zona Franca, criticaram a situação da BR-319, trocaram elogios e claro, o prefeito criticou o presidenciável do seu partido, Geraldo Alckmin.

“O apoio a Marina Silva foi, de certa forma, um processo complexo, porque ele implica no meu rompimento com a candidatura do Geraldo Alckmin, claramente. Ele não serve para dirigir o país e não reúne condições de liderança para tanto”, atacou Virgílio, revela reportagem de Bruno Tadeu, no Estado de São Paulo.

Arthur Vigília explicou, ainda, o que o levou a essa escolha: “Ia votar em quem? Eu não vou votar em nada esquisito. Nada que significa nem o escuso, nem o esquisito. Eu vou votar na melhor candidata. Uma pessoa digna, limpa, que tem uma boa orientação econômica, absolutamente consciente dos seus deveres para a Amazônia”, justificou.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247