PT apoia atos pacíficos: “a democracia não pode ser intimidada”

Em nota assinada pelos líderes na Câmara e no Senado, Enio Verri e Rogério Carvalho, e pela presidente, Gleisi Hoffmann, o PT diz apoiar as manifestações do próximo domingo. "Nós, do Partido dos Trabalhadores, somos solidários aos que participam destes atos e sofrem os ataques da repressão e de provocadores"

(Foto: Reprodução | Mídia Ninja)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Partido dos Trabalhadores divulgou uma nota nesta quinta-feira (4) em apoio às manifestações marcadas para o próximo domingo (7) em defesa da democracia e contra o fascismo. A legenda recomenda aos filiados e manifestantes em geral que “redobrem os cuidados, usando máscaras para evitar contágio, mantendo distância e não entrando em provocações”. A nota é assinada pela presidente da sigla, deputada Gleisi Hoffmann, e pelos líderes na Câmara, Enio Verri, e Senado, Rogério Carvalho.

O posicionamento vai de encontro a um artigo publicado pelo professor, cientista político e antropólogo Luiz Eduardo Soares, para quem os atos serão usados por infiltrados para provocação de vandalismo e violência nas ruas e consequente repressão e execução de um golpe pelo governo de Jair Bolsonaro. O texto foi rebatido por Guilherme Boulos, líder do MTST, do PSOL e da Frente Povo Sem Medo, que afirmou que o embate deve ser feito nas ruas, até então ocupadas pela extrema direita, e com todo os cuidados devido à crise do coronavírus.

Leia a íntegra da nota:

A democracia não pode ser intimidada

As manifestações pacíficas de rua contra Bolsonaro e o fascismo são o fato novo na luta pela democracia e pela vida no Brasil. São ações legítimas, protegidas pelo Artigo 5º. Da Constituição, que garante de forma expressa o direito às liberdades de expressão, reunião e de associação.

Considerando as condições impostas pela pandemia, recomendamos que os participantes das manifestações observem da melhor maneira possível, as medidas recomendadas pela OMS, como uso de máscaras e o distanciamento social.

Os militantes democráticos que participam destes atos devem também resistir às provocações e isolar os infiltrados, que já vêm agindo para tentar desvirtuar o caráter das manifestações e dar pretexto à repressão e ao discurso de fechamento do regime.

Nós, do Partido dos Trabalhadores, somos solidários aos que participam destes atos e sofrem os ataques da repressão e de provocadores.

A tentativa de criminalização dos movimentos sociais e populares e das manifestações democráticas visa a naturalizar o projeto neofascista e autoritário do atual governo, contrário aos interesses nacionais e aos direitos do povo.

Reafirmamos nosso compromisso com a Democracia, com a Constituição e as instituições democráticas, ao mesmo tempo em que repudiamos de forma veemente toda e qualquer iniciativa voltada a criminalizar, reprimir, intimidar ou manipular os reais objetivos de movimentos e manifestações pacíficas e em defesa da democracia no Brasil.

Não aceitaremos que a Democracia seja intimidada!
Brasília, 04 de junho de 2020.

Gleisi Hoffmann – Presidenta Nacional do PT
Enio Verri – Líder da Bancada do PT na Câmara dos Deputados
Rogério Carvalho – Líder da Bancada do PT no Senado Federal

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247