PT e mais seis partidos lançam Chinaglia à presidência da Câmara

Deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP), atual primeiro-vice-presidente da Câmara, será lançado nesta quarta (17), candidato à presidência da Casa para o biênio 2015/2016. Além do PT, seis partidos apoiam Chinaglia, entre eles o PDT, o PCdoB e o PROS; petista irá para o enfrentamento com o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ)

Deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP), atual primeiro-vice-presidente da Câmara, será lançado nesta quarta (17), candidato à presidência da Casa para o biênio 2015/2016. Além do PT, seis partidos apoiam Chinaglia, entre eles o PDT, o PCdoB e o PROS; petista irá para o enfrentamento com o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ)
Deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP), atual primeiro-vice-presidente da Câmara, será lançado nesta quarta (17), candidato à presidência da Casa para o biênio 2015/2016. Além do PT, seis partidos apoiam Chinaglia, entre eles o PDT, o PCdoB e o PROS; petista irá para o enfrentamento com o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Brasil - O deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), atual primeiro-vice-presidente da Câmara, será lançado amanhã (17), às 9h30m, candidato à presidência da Casa para o biênio 2015/2016. Além do PT, seis partidos apoiam Chinaglia, entre eles o PDT, o PCdoB e o PROS. A decisão foi tomada hoje (16), durante reunião de líderes das legendas, e anunciada pelo líder petista, Vicentinho (SP).

“O deputado Arlindo Chinaglia não é apenas o candidato do nosso partido. Ele é o candidato de sete partidos”, ressaltou Vicentinho. Segundo o petista, o nome de Chinaglia foi aprovado por unanimidade pelas sete legendas que participarão do lançamento da candidatura.

De acordo com o líder petista, além desses partidos, Chinaglia conta com o apoio de vários parlamentares de outras legendas. Ele já foi presidente da Câmara e líder do governo na Casa.

Oficialmente, só foi lançada, até agora, a candidatura do líder do PMDB, deputado Eduardo Cunha (RJ). A eleição será no início de fevereiro de 2015.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247