Rede não revela ‘padrinhos’ de Marina

Sigla alega que os R$ 800 mil já consumidos no projeto de criação na Justiça Eleitoral provêm de centenas de doadores financeiros. Em 2010, Neca Setubal, socióloga e herdeira do banco Itaú, contribuiu com quase R$ 20 milhões à campanha da então candidata à presidente, e Guilherme Leal, um dos fundadores da Natura, desembolsou mais de R$ 570 mil

Sigla alega que os R$ 800 mil já consumidos no projeto de criação na Justiça Eleitoral provêm de centenas de doadores financeiros. Em 2010, Neca Setubal, socióloga e herdeira do banco Itaú, contribuiu com quase R$ 20 milhões à campanha da então candidata à presidente, e Guilherme Leal, um dos fundadores da Natura, desembolsou mais de R$ 570 mil
Sigla alega que os R$ 800 mil já consumidos no projeto de criação na Justiça Eleitoral provêm de centenas de doadores financeiros. Em 2010, Neca Setubal, socióloga e herdeira do banco Itaú, contribuiu com quase R$ 20 milhões à campanha da então candidata à presidente, e Guilherme Leal, um dos fundadores da Natura, desembolsou mais de R$ 570 mil (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O processo de criação da Rede Sustentabilidade, sigla da ex-ministra Marina Silva, já consumiu cerca de R$ 800 mil, segundo informações do Estadão. A estimativa é que essa cifra aumente em torno de 15% até o prazo final para o registro Justiça Eleitoral, no dia 5 de outubro.

No entanto, a Rede não divulga quem está por trás desse financiamento. "São centenas de doadores financeiros que contribuíram com os gastos até o momento e milhares de pessoas que doaram seu tempo, em coleta de assinaturas, em processamento e relação com cartórios", alegaram ao jornal.

Em 2010, Neca Setubal, socióloga e herdeira do banco Itaú, contribuiu com quase R$ 20 milhões à campanha da então candidata à presidente, e Guilherme Leal, um dos fundadores da Natura, desembolsou mais de R$ 570 mil.

Neca continua 'abençoando' a candidatura de Marina. Em abril, organizou um café da manhã em São Paulo com cerca de 70 empresários, que pagaram R$ 700 para ouvir as motivações de Marina.

Marina também conta com o apoio da classe artística. Em maio, Adriana Calcanhoto, Nando Reis e Arnaldo Antunes doaram a participação e o dinheiro da bilheteria de um show na capital paulista, que teria arrecadado R$ 100 mil.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email