Rejeitado, Temer fica de fora de vídeo comemorativo do governo

Devido à alta taxa de rejeição de Michel Temer, aprovado por apenas 4% dos brasileiros, os marqueteiros do Planalto acharam melhor deixá-lo de fora do vídeo "comemorativo" do aniversário de um ano do golpe; o governo produziu um comercial de 60 segundos para a TV exaltando a retrospectiva do peemedebista, como a luta para aprovar as reformas, e pede otimismo e confiança; Temer, porém, não aparece sequer de relance na peça; ele foi deixado de fora como medida para evitar panelaços; ao invés da cara de Temer, a publicidade tem imagens de pessoas comuns, reforçadas com a fala de um narrador

Presidente Michel Temer 29/03/2017 REUTERS/Ueslei Marcelino
Presidente Michel Temer 29/03/2017 REUTERS/Ueslei Marcelino (Foto: Giuliana Miranda)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Rejeitado por 85% dos brasileiros segundo a última pesquisa Datafolha, Michel Temer ficará de fora do vídeo comemorativo lançado pelo Planalto para comemorar um ano de sua gestão.

Devido à alta taxa de rejeição de Michel Temer, aprovado por apenas 4% dos brasileiros, os marqueteiros do Planalto acharam melhornão incluir Temer nas imagens.

O governo produziu um comercial de 60 segundos para a TV exaltando a retrospectiva do peemedebista. O filme mostra sua gestão como um caminho para colocar o país nos trilhos, destaca a luta pela aprovação das reformas e pede otimismo e confiança.

Temer, porém, não aparece sequer de relance na peça; ele foi deixado de fora como medida para evitar panelaços; ao invés da cara de Temer, a publicidade tem imagens de pessoas comuns, reforçadas com a fala de um narrador.

As informações são da coluna Painel da Folha de S.Paulo.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247