Minas 247Voltar para CAPA do 247

Zema compara estabilidade de servidores com direito de senhores de escravos

Luis Ivo/Divulgação: <p>romeu zema</p>

O governador eleito de Minas, Romeu Zema, do Partido Novo, grande empresário grupo que leva o nome de sua família e fatura mais de R$ 1 bilhão por ano, está anunciando um tempo de "medidas duras" no Estado e afirmou em entrevista que um alvo preferencial delas serão os funcionários públicos; ele quer mudanças nas regras que regem o serviço público de modo a pode demitir servidores conforme sua conveniência. Ele comparou o direito adquirido dos servidores a um teórico "direito adquirido" dos senhores de escravos

‘Escola Sem Partido tenta usurpar o pensamento crítico das escolas’

Ananda Borges - Câmara:

A deputada federal reeleita Margarida Salomão (PT-MG) criticou o projeto Escola Sem Partido, que prevê a proibição de supostas doutrinações políticas ou ideológicas nas instituições de ensino; "(O projeto) é chamado de 'Lei da Mordaça" porque tenta usurpar o pensamento crítico do ambiente escolar", disse; "Escola é lugar para desenvolver o pensamento"

Chacina de Unaí: recurso pode anular condenações de mandantes

:

O TRF1, em Brasília (DF), julgará na próxima segunda-feira (19) os recursos dos quatro mandantes da Chacina de Unaí, em Minas Gerais (MG), que pedem a anulação do julgamento em que foram condenados em 2015; o ex-prefeito de Unaí, Antério Mânica, seu irmão Norberto Mânica, Hugo e mais duas pessoas foram condenadas em 1ª instância; somadas, as penas ultrapassam 340 anos

Deputado comprou base ilegal de contatos para campanha via WhatsApp

Luis Macedo/Câmara dos Deputados: <p>LAUDIVIO CARVALHO</p>

O deputado federal Laudívio Carvalho (PODE-MG) admitiu ter comprado dados de 40 mil pessoas para fazer disparos de mensagens via WhatsApp durante as eleições; agência utilizada para esse serviço na campanha foi a Quick Mobile, que tem sede em Belo Horizonte; ela é uma das empresas investigadas por suposta participação em esquema bancado por empresários para envio de mensagens com conteúdo anti-PT

Correia presta solidariedade a Cláudia Leitte: é bestialização

:

"O período de bestialização está aberto após a vitória de Bolsonaro. Falar asneiras, agir com preconceito e mesmo assediar publicamente já não constrange o idiota! Silvio Santos que o diga. Toda solidariedade à Claudia Leite e às mulheres", afirmou o deputado Rogério Correia (PT)

Policiais de Minas envolvidos em tiroteio com paulistas são presos

:

Três policiais mineiros que se envolveram no tiroteio com policiais civis de São Paulo, em Juiz de Fora, em 19 de outubro, foram presos nesta segunda (12) na cidade mineira; no tiroteio em que duas pessoas morreram, o motivo teria sido um desentendimento entre o empresário de São Paulo, Flávio de Souza Guimarães, que teria ido a Juiz de Fora trocar dólares, e o também empresário, de Minas, Antonio Vilela; segurança dos empresários estarias endo feita pelos policiais dos dois estados

Margarida: ‘com Guedes será chicote no lombo do trabalhador’

:

Deputada Margarida Salomão (PT-DF) lamentou a informação de que o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, irá comandar a Secretaria de Políticas Públicas de Emprego por causa da extinção do Ministério do Trabalho; "Não é por outra razão que tenho dito que Guedes assumirá o Ministério do Neoliberalismo, e não o da Economia. Neoliberalismo na veia, e chicote no lombo do trabalhador brasileiro"

Segunda Turma do STF desarquiva inquérito sobre Aécio

REUTERS/Ueslei Marcelino: <p>Brazilian Senator Aecio Neves gestures during a session of the Federal Senate in Brasilia, Brazil October 18, 2017. REUTERS/Ueslei Marcelino</p>

Com a decisão, a PGR terá 60 dias para concluir diligências pendentes e também deverá se manifestar sobre o arquivamento da investigação contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG), suspeito de participar de irregularidades em Furnas, subsidiária da Eletrobras em Minas Gerais; ministros julgaram um recurso da PGR contra decisão individual do ministro do STF Gilmar Mendes que determinou o arquivamento da investigação; decisão divergiu do entendimento da procuradoria, que pediu a remessa do inquérito para a Justiça Federal do Rio de Janeiro

Correia sobre governo Bolsonaro: um ministro caixa 2 e outra propineira

W. Dias: <p>Rog�rio Correia (deputado estadual PT/MG)</p>

"Um ministro caixa 2 e uma ministra propineira da JBS ! Bolsonaro não surpreende, é o que já se esperava", disse deputado estadual Rogério Correia (PT), em referência ao futuro ministro da Casa Civil que admitiu caixa 2, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), e também à deputada Tereza Cristina (DEM-MS), futura comandante da pasta da Agricultura e suspeita de ter dado incentivos à JBS quando era secretária do agronegócio de Mato Grosso do Sul, ao mesmo tempo em que mantinha um negócio pecuário com o grupo

MÍDIA

Saiba como apoiar o 247 e os Jornalistas pela Democracia

:

Se você já aderiu à nossa campanha de assinaturas solidárias, muito obrigado por apoiar a democratização da mídia e ajudar a financiar a expansão do Brasil 247; caso ainda tenha dúvidas, confira o vídeo da campanha e saiba como participar; conheça ainda o projeto Jornalistas pela Democracia e apoie a criação de conteúdo de diversos profissionais renomados no portal e na TV 247

Revista Brasil 247

Edição #246

Revista do dia

Revista Oásis - Edição #407

Colunistas

Colunista

O sequestro e o banimento de Cesare Battisti

Wadih Damous

Cesare Battisti foi forçado ilegalmente a deixar o Brasil, sequestrado na Bolívia e enviado para a Itália para cumprir uma pena de prisão perpétua, fruto de um processo carregado de questionamentos e arbitrariedades.

Colunista

Kim Kataguiri e a liberdade de expressão

Altamiro Borges

Essa decisão é uma pequena vitória em um momento tão delicado para a democracia e a liberdade de expressão no país. Ainda cabe recurso ao "nobre deputado". Mas vale curtir o momento e festejar a derrota do fascista. A questão da liberdade de expressão ganha cada vez mais urgência no país

Colunista

Venezuela: ofensivas e contraofensivas na América Latina

Helena Iono

Mesmo no contexto da alarmante ofensiva imperial na América Latina (bem destacada por Thierry Meyssan), com as ameaças contra a Venezuela e o golpe de estado culminado com a farsa eleitoral e a tomada pelo poder pela extrema direita no Brasil, observam-se também elementos de contraofensiva que prometem ampliar-se a nível regional a partir deste início de 2019

Colunista

Armas matam!

Benedita da Silva

"Armar o cidadão de bem para combater a violência", é uma ideia simples, direta, mas totalmente ilusória, que sobrevive se alimentando da incompetência dos governos e da demagogia dos políticos.

Colunista

Pelo desliquidificadoramento da população

Nêggo Tom

Parem as máquinas! Depois da declaração do Ministro Chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, de que liquidificadores oferecem às nossas crianças o mesmo risco que armas de fogo, precisamos urgentemente refletir sobre os rumos da nossa sociedade. Não estamos tão indefesos assim. Cada cidadão de bem que possua um liquidificador em casa, já pode defender a sua propriedade contra a bandidagem. Desde que possua bons antecedentes no SPC e não tenha deixado de quitar as prestações do eletrodoméstico. Tá ok?

Colunista

A violência vai crescer na classe média

Roberto Malvezzi (Gogó)

Mais armas vão trazer mais violência para a classe média, assim como nos Estados Unidos. Vamos ter mais acidentes e assassinatos dentro de casa, mais chacinas em shoppings, cinemas, escolas, shows, enfim, lugares públicos frequentados pela classe média.

Colunista

Sobre bandeiras e vermelhos

Valéria Dallegrave

A ausência do vermelho pode ser um traço da hipocrisia nacional. É como se não tivesse acontecido derramamento de sangue na construção de nossa pátria. Nem Canudos, nem Caldeirão. Nem Tiradentes, nem Inconfidência. Nem Balaiada ou Guerra do Paraguai. Nem Candelária, nem Marielle Franco e tantos já esquecidos. Nem genocídio indígena, nem escravidão

Colunista

A esquerda e a arma de fogo

Jean Menezes de Aguiar

Ficou este obsoleto estatuto do desarmamento, que desarmaria 'a sociedade' e sem armas não haveria crimes, marcado por escancarada ineficiência. Porém, que fique também claro, na contramão do argumento, nada há que indique que armando-se a sociedade, a mesma criminalidade que não foi reduzida com o desarmamento, sê-lo-á

Colunista

Nossa anulação étnica

Henrique Matthiesen

A quebra de nossa identidade étnica fez do povo brasileiro um povo constrangido e desfigurado que pagou, historicamente, e paga até hoje, um preço terrivelmente alto em suas lutas das mais sangrentas sem conseguir obter delas a constituição de independência

Colunista

Bolsonaro, as armas e Reformas como a da Previdência

Marconi Moura de Lima Burum

Ainda não percebemos por completo duas coisas fundamentais em 2019. A primeira delas é que o mito eleito não é o Presidente de fato (embora o seja de direito). A segunda coisa a considerar como elemento tático nessa guerra de narrativas é que os progressistas, os democratas, os desenvolvimentistas, os ativistas sociais e os verdadeiros nacionalistas terão trabalho redobrado

Colunista

Disputa pesada

Julian Rodrigues

A decisão do PCdoB de se juntar ao PDT de Ciro no apoio à Rodrigo Maia (DEM) para presidente da Câmara é mais um sintoma do acirramento da disputa interna dentro do bloco progressista. O pano de fundo são distintas análises sobre o governo Bolsonaro, o caráter da oposição e a relação com o PT

Colunista

Pátria amada (armada?) Brasil...

Rogério Correia

Poderíamos dizer que o decreto que facilita a posse de armas traz potencialmente um risco maior à vida das mulheres. Facilitará a vida de eventuais agressores sexuais e até dos homens mimados e violentos que infelizmente ainda existem em bom número

Colunista

Carta a Sigmaringa, decano da lucidez e da diplomacia

Marco Aurélio de Carvalho

Como poucos, você abraçou valores essenciais da vida republicana. Na carreira política, adotou a riqueza do diálogo como fundamento para a tolerância, para a resolução de conflitos e para a convivência pacífica entre adversários. Sua atuação como advogado foi iluminada pela lucidez e pelo senso de conveniência e oportunidade

Colunista

Pátria Armada, Brasil

Daniel Samam

Daqui por diante, Bolsonaro e Moro devem ser responsabilizados por todo e qualquer aumento do número de mortes por arma de fogo no Brasil

Colunista

Precisamos do “muito mais do mesmo”?

Reginaldo Lopes

A flexibilização da posse de armas no país é insistir, e radicalizar, em um modelo falido. Um dos argumentos mais usados pelos defensores da medida é, justamente, o fato do Estado não se fazer presente. Por que então não trocamos esse modelo e passamos a investir naquilo que, realmente, melhoraria as condições de segurança?

Colunista

A força que vem de Gleisi

Dimas Roque

Atacada, Gleisi poderia se abalar, mas o que se vê é sua determinação de enfrentar seus detratores com a força que só uma mulher Petista poderia demonstrar