Baixa umidade faz Inmet emitir aviso de alerta

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que o volume de chuva registrado no Distrito Federal do dia 1 ao dia 9 de março de 2017 foi de 23,6 milímetros, cerca de 70% inferior à média do mesmo período do ano passado, 82 milímetros; de acordo com a meteorologista Ingrid Peixoto, até o dia 31, existe a possibilidade de chover abaixo da média histórica para março – 180,6  milímetros, apontou o Inmet

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que o volume de chuva registrado no Distrito Federal do dia 1 ao dia 9 de março de 2017 foi de 23,6 milímetros, cerca de 70% inferior à média do mesmo período do ano passado, 82 milímetros; de acordo com a meteorologista Ingrid Peixoto, até o dia 31, existe a possibilidade de chover abaixo da média histórica para março – 180,6  milímetros, apontou o Inmet
O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que o volume de chuva registrado no Distrito Federal do dia 1 ao dia 9 de março de 2017 foi de 23,6 milímetros, cerca de 70% inferior à média do mesmo período do ano passado, 82 milímetros; de acordo com a meteorologista Ingrid Peixoto, até o dia 31, existe a possibilidade de chover abaixo da média histórica para março – 180,6  milímetros, apontou o Inmet (Foto: Leonardo Lucena)

Brasília 247 - O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que o volume de chuva registrado no Distrito Federal do dia 1 ao dia 9 de março de 2017 foi de 23,6 milímetros, cerca de 70% inferior à média do mesmo período do ano passado, 82 milímetros. De acordo com a meteorologista Ingrid Peixoto, até o dia 31, existe a possibilidade de chover abaixo da média histórica para março – 180,6  milímetros, apontou o Inmet. Como consequência, o instituto emitiu um alerta de "perigo potencial" na região do DF, relacionado à baixa umidade.

No site da instituição, o aviso publicado indica "leve risco à saúde", e "umidade relativa do ar variando entre 30% e 20%". Segundo Ingrid, a umidade pode chegar a mínimos de 25% nesta sexta. "Sempre que a umidade vai cair abaixo de 30%, a gente emite um aviso para a população se preparar para uma situação de secura", diz ela. O relato foi publicado no G1.

Com o aviso, a Defesa Civil pode embasar suas decisões. O órgão é responsável por colocar a capital em estados de atenção, alerta ou calamidade. Até esta quinta, o órgão ainda não tinha emitido comunicado sobre o tema.

 

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247