Deputado bolsonarista critica ministro da Justiça por determinar apuração sobre dossiê contra opositores

O ministro André Mendonça determinou a abertura de apuração interna sobre a existência do relatório, elaborado pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi), do Ministério da Justiça. Ele foi criticado pelo deputado bolsonarista Otoni de Paula

Otoni de Paula
Otoni de Paula (Foto: Maryanna Oliveira - Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal bolsonarista Otoni de Paula (PSC-RJ) criticou o ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, por determinar apuração de dossiê com informações de opositores ao governo de Jair Bolsonaro e antifascistas.

Mendonça determinou no domingo, 2, a abertura de apuração interna sobre a existência do relatório, elaborado pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi), do Ministério da Justiça. O dossiê tem mais de 500 servidores públicos identificados como integrantes de movimento antifascismo e opositores do presidente Jair Bolsonaro.

No Twitter, Otoni disse que a resposta de Mendonça, de que pretende apurar a existência do relatório, "não poderia ser pior". Segundo o deputado, era a resposta "que os adversários do presidente precisavam".

"Na entrevista o próprio Mendonça diz que questionou a Seopi sobre a existência de dossiês e ouviu a seguinte resposta: 'Nós não elaboramos dossiê'. 'Até porque, se nós quiséssemos ou pudéssemos elaborar um dossiê com aquela conotação de prejudicar determinado grupo de forma parcial, persecutória, nós não elaboraríamos um relatório'. Então a resposta do ministro deveria ser: 'Não há dossiê algum sendo preparado'. Outra coisa ministro: Quem não admite perseguição de qualquer natureza é o PR e não o Sr, pos não é o Sr que eles querem e sim Jair Bolsonaro. Pode está vindo aí mais uma CPMI, anotem".

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247