Eduardo Bolsonaro joga a toalha e desiste de ser embaixador nos EUA

Impedido de ocupar o cargo de embaixador nos EUA, presente de aniversário recebido diretamente de seu pai, por razões intelectuais e técnicas, Eduardo Bolsonaro jogou a toalha e admitiu que será obrigado a operar na Câmara dos Deputados mesmo. Ele agradeceu o apoio do seu pai pela indicação, mas disse que essa é agora apenas uma possibilidade para outro momento

Dep. Eduardo Bolsonaro (PSL - SP)
Dep. Eduardo Bolsonaro (PSL - SP) (Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados)

247 -  Impedido de ocupar o cargo de embaixador nos EUA, presente de aniversário recebido diretamente de seu pai, por razões intelectuais e técnicas, Eduardo Bolsonaro jogou a toalha e admitiu que será obrigado a operar na Câmara dos Deputados mesmo. Segundo reportagem do jornal O Globo, ele agradeceu o apoio do seu pai pela indicação, mas disse que essa é agora apenas uma possibilidade para outro momento. 

Ele disse: "(Tenho) portas abertas para quem sabe no futuro... Podem ter certeza que não foi decisão fácil. Mas eu conto com o apoio dos amigos — discursou (...)  Este que vos fala diz que fica no Brasil, para defender os princípios conservadores, para fazer o que foi o tsunami da eleição de 2018 uma onda permanente. Assim, me comprometo a caminhar por São Paulo, pelo Brasil, e por que não pelo mundo, buscar aliados identificados pelo interesse em servir ao país nessa guerra cultural, contra aqueles que querem destruir a identidade ocidental"

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247