Funcionária de pizzaria relata que Wassef 'gosta de humilhar as pessoas por ser de alto padrão'

A atendente de uma pizzaria que denunciou Frederick Wassef por injúria racial, Danielle da Cruz Oliveira, se pronunciou sobre o caso que envolve o ex-advogado da família de Jair Bolsonaro. "Eu acho que ele gosta de humilhar as pessoas por ser de alto padrão", afirmou

Frederick Wassef
Frederick Wassef (Foto: Globo News/Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A atendente de uma pizzaria em Brasília que denunciou Frederick Wassef por injúria racial, Danielle da Cruz Oliveira, de 18 anos, se pronunciou durante entrevista concedida ao programa Fantástico, da emissora Rede Globo, sobre o caso que envolve o ex-advogado da família de Jair Bolsonaro (sem partido). "Eu acho que ele gosta de humilhar as pessoas por ser de alto padrão", afirmou a jovem. A reportagem é do portal G1.

Danielle também relatou que teve seu atendimento recusado por Frederick Wassef. "Ele falou que não queria ser atendido por mim, porque eu era negra e que eu tinha cara de sonsa e não saberia anotar o pedido dele”, disse.

Em um outro momento, a jovem de 18 anos denuncia que foi chamada de “macaca” pelo ex-advogado da família de Jair Bolsonaro.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247