Homem que pintou “Fora Temer” no Museu Nacional de Brasília foi demitido

O operário que pintou um “Fora Temer” monumental na parede do Museu Nacional de Brasília enquanto trabalhava na pintura do prédio foi demitido na sequência de seu protesto; a empresa contratada para a restauração do edifício, RVA Comércio e Serviços de Construção, confirmou a dispensa

O operário que pintou um “Fora Temer” monumental na parede do Museu Nacional de Brasília enquanto trabalhava na pintura do prédio foi demitido na sequência de seu protesto; a empresa contratada para a restauração do edifício, RVA Comércio e Serviços de Construção, confirmou a dispensa
O operário que pintou um “Fora Temer” monumental na parede do Museu Nacional de Brasília enquanto trabalhava na pintura do prédio foi demitido na sequência de seu protesto; a empresa contratada para a restauração do edifício, RVA Comércio e Serviços de Construção, confirmou a dispensa (Foto: Giuliana Miranda)

Do Diário do Centro do Mundo

O homem que pintou um “Fora Temer” monumental na parede do Museu Nacional de Brasília foi demitido na sequência de seu protesto.

A empresa contratada para a restauração do edifício, RVA Comércio e Serviços de Construção, confirmou a dispensa a Carlos Fernandes, colunista do DCM.

“As pessoas que estão trabalhando lá estão se pelando de medo”, diz Fernandes. “Ninguém quis contar o nome dele”.

No último dia 5, o homem pintou as palavras de ordem enquanto trabalhava na revitalização do local. Foi flagrado pelo fotógrafo Marcelo Ferreira, do Correio Braziliense.

Depois de descer da estrutura, falou apenas o seguinte: “É a minha opinião política. Nós temos liberdade de expressão”.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247