"Minha palavra vale mais", diz Bolsonaro ao se negar a mostrar exame para coronavírus

"Já pensou que prato feito para a imprensa se eu tivesse infectado? Não estou. É a minha palavra. A minha palavra vale mais do que um pedaço de papel”, afirmou Jair Bolsonaro nesta quinta-feira, 26, a jornalistas

(Foto: Carolina Antunes/PR)

247 - Jair Bolsonaro justificou nesta quinta-feira (26) que não apresenta a cópia do seu exame para o novo coronavírus por que sua palavra "vale mais". 

“Eu estou bem, cara, tranquilo. E nunca tive problema não. Já pensou que prato feito para a imprensa se eu tivesse infectado? Não estou. É a minha palavra. A minha palavra vale mais do que um pedaço de papel”, disse Bolsonaro em conversa com jornalistas em frente ao Palácio do Alvorada. 

Bolsonaro fez dois testes para a Covid-19, nos dias 12 e 17. Para ambos, disse que o resultado foi negativo. No entanto, nesta quinta-feira (26), subiu para 25 o número de pessoas que tiveram contato com Bolsonaro e cujos resultados foram positivos para a doença.

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247