Moro discursou no púlpito do presidente do Senado sem permissão de Pacheco

Moro atacou a PEC dos Precatórios, pauta governista, e defendeu teto de gastos em discurso não autorizado no púlpito do Senado

Sergio Moro
Sergio Moro (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News

Por Guilherme Amado e Eduardo Barretto, Metrópoles - Rodrigo Pacheco, presidente do Senado, não autorizou que Sergio Moro, seu adversário na corrida ao Planalto, usasse o púlpito da Presidência do Senado na terça-feira (23/11). Momentos antes de uma entrevista coletiva de Moro e senadores do Podemos no púlpito, a Presidência do Senado emitiu um documento negando o uso do espaço.

Pouco antes das 15h30 da terça-feira (23/11), quando Moro faria o pronunciamento, seguranças da Presidência começaram a avisar aos jornalistas que a entrevista não poderia acontecer ali.

Leia a íntegra no Metrópoles.

PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email