Polícia Civil faz paralisação de 24 horas no DF

Policiais civis do Distrito Federal decidiram em assembleia, realizada na quarta-feira (25), promover uma paralisação de 24 horas a partir das 8h desta quinta-feira (26); neste período, somente as ocorrências graves como estupros, latrocínio e homicídios, além de flagrantes serão registrados; categoria pleiteia aumentos de salários e melhorias nas condições de trabalho

Policiais civis do Distrito Federal decidiram em assembleia, realizada na quarta-feira (25), promover uma paralisação de 24 horas a partir das 8h desta quinta-feira (26); neste período, somente as ocorrências graves como estupros, latrocínio e homicídios, além de flagrantes serão registrados; categoria pleiteia aumentos de salários e melhorias nas condições de trabalho
Policiais civis do Distrito Federal decidiram em assembleia, realizada na quarta-feira (25), promover uma paralisação de 24 horas a partir das 8h desta quinta-feira (26); neste período, somente as ocorrências graves como estupros, latrocínio e homicídios, além de flagrantes serão registrados; categoria pleiteia aumentos de salários e melhorias nas condições de trabalho (Foto: Paulo Emílio)

Brasília 247 - Os policiais civis do Distrito Federal decidiram em assembleia, realizada na quarta-feira (25), promover uma paralisação de 24 horas a partir das 8h desta quinta-feira (26). Neste período, somente as ocorrências graves como estupros, latrocínio e homicídios, além de flagrantes serão registrados.

A greve de advertência é contra a falta de diálogo com o governo do Distrito Federal em relação aos pleitos da categoria. As atividades deverão ser normalizadas nesta sexta-feira (27). Uma nova assembleia está marcada para acontecer na próxima terça-feira (31).

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247