Reitor de universidade catarinense é cotado para assumir o MEC

Aristides Cimadon, reitor da Universidade do Oeste de Santa Catarina, tem reunião nesta segunda-feira com Jair Bolsonaro

MEC
MEC (Foto: Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Depois da demissão de Abraham Weintraub e da queda antes mesmo da posse de Carlos Alberto Decotelli e Renato Feder, um novo nome passou a ser citado como favorito para assumir o Ministério da Educação. "Cotado a ministro da Educação, o educador Aristides Cimadon vem a Brasília para reunião com Bolsonaro, nesta segunda. O nome dele foi indicado por parlamentares de Santa Catarina", informa a CNN.

"Cimadon tem 70 anos, é reitor da Universidade do Oeste de Santa Catarina, tem graduação em Filosofia e Pedagogia, pela Universidade de Passo Fundo e bacharelado em Direito pela instituição onde hoje é reitor. Em 2017, ele abriu as portas da Universidade para sediar palestras do deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente", aponta ainda o site.

É descrito por apoiadores como alguém conciliador, de "fala mansa" e que "não vai trazer problemas para Bolsonaro".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email