Ricardo Salles ataca “ONGs e alguns acadêmicos” ao se defender de fala para “passar a boiada”

Ministro do Meio Ambiente disse em entrevista à CNN que defendeu na reunião acabar com burocracia dia da "oposição irresponsável contra tudo o tempo todo"

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles
O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles (Foto: José Cruz/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Fórum - Em entrevista à CNN Brasil na manhã deste sábado (23), o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, atacou “ONGs e alguns acadêmicos” ao se defender da fala na reunião ministerial, em que afirma a Jair Bolsonaro para aproveitar a “tranquilidade” em meio à pandemia do coronavírus para “ir passando a boiada e simplificando normas”, com o intuito de modificar a legislação ambiental.

“Essa oposição irresponsável, ONGs, alguns acadêmicos, contra tudo o tempo todo, quer seja porque tem uma visão enviesada ideologicamente ou porque tem interesses econômicos inconfessáveis, o fato é que eles judicializam tudo”, atacou Salles.

Segundo Salles, o que ele quis dizer na reunião era para aproveitar o momento para por fim ao que chama de burocracia e normas infralegais.

Leia a íntegra da Fórum. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247