Cantora diz que teve show interrompido por não "mandar alô" a prefeito (vídeo)

"Eu fui contratada para cantar, não para ficar mandando alô", disse a artista ainda no palco

www.brasil247.com - Tayara Andreza
Tayara Andreza (Foto: Reprodução/Twitter/@SerBrasileira)


247 - A cantora cantora Tayara Andreza contou pelas redes sociais na madrugada de domingo (3) que teve seu show em Tracunhaém, Zona da Mata de Pernambuco, interrompido porque não “estava mandando alô” ao prefeito da cidade, Aluízio Xavier (PSD).

Segundo a artista, sua equipe ainda foi agredida com spray de pimenta na saída do “Trezenário de Tracunhaém”. Os autores da agressão seriam pessoas que prestavam serviço para a festa.

“Fiquei sabendo agora que o pessoal aqui da prefeitura está pedindo para a gente encerrar o show. Que eu saiba, eu fui contratada para cantar, não para ficar mandando alô. Aí o prefeito, não sei mais quem, porque eu não estava mandando alô, pediu para eu encerrar o show”, disparou Tayara ainda no palco.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email