Governo confirma rompimento de barragem em cidade na Bahia

O governo da Bahia confirmou o rompimento da uma barragem do Quati, na cidade de Pedro Alexandre, que fica na região Nordeste do estado; incidente ocorre seis meses após o maior crime ambiental da história do Brasil que aconteceu em Brumadinho (MG), deixando mais de 200 mortos

Imagens aéreas mostram rompimento de barragem na Bahia
Imagens aéreas mostram rompimento de barragem na Bahia (Foto: Secom/GOVBA)

247 - O governo da Bahia confirmou, na manhã desta sexta-feira (12), o rompimento da uma barragem do Quati, na cidade de Pedro Alexandre, que fica na região Nordeste do estado. De acordo com a assessoria de comunicação do governo, técnicos avaliaram o local nesta sexta e constataram que houve rompimento. Não houve registro de feridos, nem desaparecidos nas duas cidades.

A água da barragem invadiu Pedro Alexandre e a cidade vizinha Coronel João Sá, mais atingida pela inundação, porque fica em uma altitude mais baixa que Pedro Alexandre.

O rompimento veio após sete meses uma barragem também se romper e Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Mais de 200 pessoas morreram, sendo a maior tragédia ambiental da história do Brasil.

Em 2015, uma barragem, também da mineradora Vale, rompeu-me, no município de Mariana, região central de Minas. Ao todo, 19 pessoas morreram. 


 

Conheça a TV 247

Mais de Nordeste

Ao vivo na TV 247 Youtube 247