Juiz que determinou 'lockdown' no Maranhão denuncia ameaças de morte

"O mesmo grupo que pede o fechamento do STF, do congresso, é o que me ameaça de morte", afirmou Douglas Martins

Juiz Douglas Martins, que determinou lockdown no Maranhão
Juiz Douglas Martins, que determinou lockdown no Maranhão (Foto: Reprodução/Instagram)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Douglas Martins, juiz titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca da Ilha de São Luís (MA), abriu investigação nesta segunda-feira (4) contra ataques virtuais que tem sofrido nas redes sociais desde que decidiu pelo lock-down na região da Ilha de São Luís.

“Algumas pessoas fizeram críticas, muitas delas civilizadas. Todo agente público está sujeito a ser criticado, muitas delas severas, que são naturais. Eu até fico feliz com elas. De outro lado, algumas pessoas extrapolaram da crítica severa para ofensas à minha honra, ofensas pessoais, ofensas à própria imagem do poder judiciário e culminou com a ameaça de morte”, disse Martins ao jornalista Carlos Madeiro, do Uol.

Por determinação do magistrado, São Luís, Paço do Lumiar, São José de Ribamar e Raposa passam a conviver com regime de quarentena total a partir de terça-feira.

Continue lendo na Fórum.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247