Ministra do STJ arquiva inquérito aberto pela PGR contra Flávio Dino

A investigação envolvia suspeitas de superfaturamento na compra de combustível para abastecer helicópteros do governo, por parte da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão

Flávio Dino
Flávio Dino (Foto: Governo do Maranhão)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Laurita Vaz arquivou um inquérito aberto pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). Segundo ela, não existiam indícios de irregularidades envolvendo o governador.

A investigação envolvia suspeitas de superfaturamento na compra de combustível para abastecer helicópteros do governo, por parte da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão.

"Depois de detida análise dos autos, não encontrei nenhum elemento de informação, sequer menor indício, de eventual envolvimento do Governador do Estado do Maranhão em suposta 'ilegalidade' na referida contratação, da qual nem mesmo participou", apontou Laurita Vaz em seu parecer.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247