Alesp cassa mandato de Arthur do Val, o Mamãe Falei, que perde direitos políticos por oito anos

Integrante do MBL, Mamãe Falei já havia renunciado ao cargo em abril. Apesar disso, o processo contra ele seguiu na Casa e terminou com a cassação dessa terça (17)

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução/Alesp)


247 - A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aprovou no início da noite desta terça-feira (17) a cassação do mandato do ex-deputado estadual Arthur do Val, o Mamãe Falei (União Brasil), por quebra de decoro parlamentar, após dizer frases sexistas contra mulheres refugiadas ucranianas.

A cassação foi aprovada por todos os 73 deputados que participaram da sessão: 73 votos para sim, 0 para não e 0, abstenção em rápida sessão. Para ter o mandato cassado, era preciso 48 votos entre os 94 deputados estaduais da Alesp.

Apesar de Arthur do Val ter renunciado ao cargo, a cassação significa que ele perderá os direitos políticos por oito anos, segundo a Lei da Ficha Limpa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email