Coordenador do MTST é assassinado pela PM em Uberlândia

Daniquel Oliveira dos Santos, de 41 anos, era coordenador da ocupação Fidel Castro e foi alvejado com um tiro na nuca disparado por um PM; "Mais um caso de violência política no país", disse Guilherme Boulos

Manifestação de militantes do MTST
Manifestação de militantes do MTST (Foto: MTST)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Um militante do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) foi assassinado pela Polícia Militar de Minas Gerais na madrugada nesta quinta-feira (5) em Uberlândia.

Daniquel Oliveira dos Santos, que tinha 41 anos, era coordenador da ocupação Fidel Castro, organizada pelo MTST há 3 anos, e cuidava da parte de infraestrutura do local. De acordo com o movimento, Santos havia subido em um poste de uma das casas para um serviço de manutenção quando foi alvejado na nuca com um disparo efetuado por um policial militar.

 

Leia mais na Fórum.

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE

Apoie o 247

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email