Defesa de Flávio Bolsonaro não vai mais permitir gravações de depoimentos

A defesa afirma que a decisão tem origem na "ineficiência do sigilo imposto judicialmente à investigação"

Flávio Bolsonaro
Flávio Bolsonaro (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A defesa do senador Flávio Bolsonaro afirmou, por meio de nota neste domingo (9), que não permitirá mais gravações dos depoimentos de seu cliente. 

O motivo da decisão é o vazamento de informações de um depoimento acerca da compra de salas comerciais no Rio de Janeiro por Flávio no valor de R$ 86,7 mil, pagos em espécie.

“Em tendo sido provada a ineficiência do sigilo imposto judicialmente à investigação, esclarece a defesa que a partir deste momento não serão mais permitidos os registros audiovisuais do Senador durante as suas manifestações procedimentais, além do que ainda esta semana representará aos órgãos de correição do MPF para que apure a falta e o delito, se houver”, diz a nota.

Leia a nota da defesa de Flávio Bolsonaro na íntegra:

A defesa do senador Flávio Bolsonaro tem recebido com perplexidade as notícias de vazamento das peças e áudios do procedimento que tramita sob sigilo, o qual é reforçado e afiançado às partes, pelos próprios membros do Ministério Público, ao início de cada ato processual.

Em tendo sido provada a ineficiência do sigilo imposto judicialmente à investigação, esclarece a defesa que a partir deste momento não serão mais permitidos os registros audiovisuais do Senador durante as suas manifestações procedimentais, além do que ainda esta semana representará aos órgãos de correição do MPF para que apure a falta e o delito, se houver.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247