Distribuidores de carne preparam novo protesto contra aumento de impostos realizado por Doria

O ajuste anunciado pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), aumenta o preço dos alimentos (entre outros itens) - em meio à pandemia do novo coronavírus

João Doria
João Doria (Foto: GOVSP)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Empresários do ramo da distribuição de carnes estão organizando um novo protesto, no dia 4 de março, contra o reajuste do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) em São Paulo, segundo o Painel, da Folha de S.Paulo.

O ajuste anunciado pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), aumenta o preço dos alimentos (entre outros itens) - em meio à pandemia do novo coronavírus. 

O governo paulista disse à coluna da Folha que está aberto ao diálogo e tem se reunido com representantes do setor. 

O aumento do imposto em meio à pandemia de Covid-19 foi justificado pelo governo como sendo temporário, para cobrir o impacto orçamentário causado pela crise sanitária. Quem pagará a conta é o povo.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email