Doria deve anunciar nesta quarta-feira reabertura gradual da quarentena

O novo modelo, chamado pelo governo de “quarentena inteligente”, deve ser anunciado nesta quarta-feira (26), com início na região do oeste paulista

O Governador do Estado de São Paulo, João Doria, durante a coletiva de imprensa de combate ao coronavírus.
O Governador do Estado de São Paulo, João Doria, durante a coletiva de imprensa de combate ao coronavírus. (Foto: GOVSP)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Estado de São Paulo vai estender a quarentena depois do dia 31, mas agora em um modelo com regras diferentes para capital e região metropolitana, litoral e interior, segundo o governador João Doria (PSDB). A reabertura gradual deve começar pelo oeste paulista, disse ontem Henrique Meirelles, secretário estadual da Fazenda e do Planejamento. Segundo ele, a retomada não deve ser anunciada na Grande São Paulo por enquanto, e haverá protocolos de reabertura para cada setor econômico. A informação é do portal Exame. 

O novo modelo, chamado pelo governo de “quarentena inteligente”, deve ser anunciado a amanhã. “Ela (a nova quarentena) vai levar em conta toda a regionalização do Estado de São Paulo, o interior, a capital, a região metropolitana, o litoral de São Paulo. A decisão não será homogênea”, afirmou o governador à Globonews. “(A quarentena até agora) foi homogênea porque precisava ser”, disse. “Áreas e regiões onde poderemos ter um olhar que defina pela quarentena inteligente, a flexibilização cuidadosa e em etapas, isso será levado em consideração”, afirmou. “Onde isso não for possível, porque os índices e os riscos indicam que não deve, não haverá.”

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247