Justiça aceita pedido de habeas corpus e manda soltar cantor Belo

O cantor foi preso preso no Rio por conta da realização de um show no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio, apesar das proibições de aglomeração devido à pandemia

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Desembargador Milton Fernandes de Souza aceitou o pedido de habeas corpus da defesa do cantor Marcelo Pires Vieira, o Belo, e mandou expedir alvará de soltura no início da madrugada desta quinta-feira (18). A decisão saiu por volta de 1h20.

O artista foi preso preso nesta quarta-feira (17) pela Delegacia de Combate às Drogas (DCOD), da Polícia Civil do Rio de Janeiro por conta da realização de um show no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio, apesar das proibições de aglomeração devido à pandemia.

"Até agora eu não entendi o que eu fiz para estar passando por essa situação. Quero saber qual o crime que eu cometi. Subi no palco e cantei", afirmou, ao sair da Cidade da Polícia, onde prestou depoimento. "Minha empresa recebeu o dinheiro. CNPJ com CNPJ", acrescentou após ser questionado de quem recebeu o pagamento pelo show. "Se eu não posso cantar para o público, a minha vida acabou", afirmou ainda o cantor ao deixar o local.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email