Lindbergh: de Curitiba pode surgir uma nova “vanguarda da esquerda”

O senador Lindbergh Farias (PT-RS) cobrou uma mudança de postura da esquerda brasileira; "Chega de esquerda frouxa. Temos que nos preparar para um período de enfrentamento. Temos que aprender com os erros. Precisamos de outra esquerda, mais preparada para o enfrentamento"; segundo o o congressista, de Curitiba, onde várias pessoas estão acampadas em solidariedade ao ex-presidente Lula, pode surgir uma nova "vanguarda da esquerda brasileira"

O senador Lindbergh Farias (PT-RS) cobrou uma mudança de postura da esquerda brasileira; "Chega de esquerda frouxa. Temos que nos preparar para um período de enfrentamento. Temos que aprender com os erros. Precisamos de outra esquerda, mais preparada para o enfrentamento"; segundo o o congressista, de Curitiba, onde várias pessoas estão acampadas em solidariedade ao ex-presidente Lula, pode surgir uma nova "vanguarda da esquerda brasileira"
O senador Lindbergh Farias (PT-RS) cobrou uma mudança de postura da esquerda brasileira; "Chega de esquerda frouxa. Temos que nos preparar para um período de enfrentamento. Temos que aprender com os erros. Precisamos de outra esquerda, mais preparada para o enfrentamento"; segundo o o congressista, de Curitiba, onde várias pessoas estão acampadas em solidariedade ao ex-presidente Lula, pode surgir uma nova "vanguarda da esquerda brasileira" (Foto: Leonardo Lucena)

Rio 247 - O senador Lindbergh Farias (PT-RS) cobrou uma mudança de postura da esquerda brasileira.

"Chega de esquerda frouxa. Temos que nos preparar para um período de enfrentamento. Temos que aprender com os erros. Precisamos de outra esquerda, mais preparada para o enfrentamento", disse o parlamentar durante entrevista coletiva na Casa da Democracia, em Curitiba (PR). 

Segundo o congressista, de Curitiba, onde várias pessoas estão acampadas em solidariedade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pode surgir uma nova "vanguarda da esquerda brasileira".

O parlamentar também afirmou que a esquerda parece continuar tendo ilusões com o Poder Judiciário.

Lindbergh convocou a população para ir às ruas protestar contra a prisão de Lula e contra os retrocessos sociais e econômicos do governo Michel Temer. "Será um momento decisivo na história do País".

 

 

 

 

 

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Sudeste

Ao vivo na TV 247 Youtube 247