Polícia Civil do Rio diz que acusados é que precisam provar inocência

A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta segunda-feira, 23, por meio de sua página no Twitter, que os acusados de crimes devem provar sua inocência, quando a Constituição, no Artigo 5º, determina que todo cidadão é inocente até que sua culpa seja provada em processos transitados em julgado; "Os dados são referentes às prisões efetuadas pelas polícias e não sobre condenações na Justiça. Logo, estão corretos. Cabe aos acusados provarem a inocência na Justiça, direito que é amplamente garantido no Estado Democrático de Direito", disse a PCERJ em reposta a um seguidor; confira reações

A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta segunda-feira, 23, por meio de sua página no Twitter, que os acusados de crimes devem provar sua inocência, quando a Constituição, no Artigo 5º, determina que todo cidadão é inocente até que sua culpa seja provada em processos transitados em julgado; "Os dados são referentes às prisões efetuadas pelas polícias e não sobre condenações na Justiça. Logo, estão corretos. Cabe aos acusados provarem a inocência na Justiça, direito que é amplamente garantido no Estado Democrático de Direito", disse a PCERJ em reposta a um seguidor; confira reações
A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta segunda-feira, 23, por meio de sua página no Twitter, que os acusados de crimes devem provar sua inocência, quando a Constituição, no Artigo 5º, determina que todo cidadão é inocente até que sua culpa seja provada em processos transitados em julgado; "Os dados são referentes às prisões efetuadas pelas polícias e não sobre condenações na Justiça. Logo, estão corretos. Cabe aos acusados provarem a inocência na Justiça, direito que é amplamente garantido no Estado Democrático de Direito", disse a PCERJ em reposta a um seguidor; confira reações (Foto: Aquiles Lins)

Rio 247 - A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta segunda-feira, 23, por meio de sua página no Twitter, que os acusados de crimes devem provar sua inocência, quando a Constituição, no Artigo 5º, determina que todo cidadão é inocente até que sua culpa seja provada em processos transitados em julgado. 

Vários seguidores da PCERJ criticaram a manifestação. Confira a polêmica. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247