Queiroz pede revogação da prisão domiciliar ao STF

Pedido apresentado pela defesa do ex-assessor do clã Bolsonaro, Fabrício Queiroz, e terá Gilmar Mendes como relator

Fabrício Queiroz em prisão domiciliar
Fabrício Queiroz em prisão domiciliar (Foto: Reprodução / CNN)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Fabrício Queiroz, ex-assessor do clã  Bolsonaro apresentou pedido de habeas corpus ao Supremo Tribunal Federal (STF) para derrubar a prisão domiciliar determinada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) e que seja colocado em liberdade, sem nenhuma restrição.

Em prisão domiciliar desde 9 de julho, quando o presidente do STJ, João Otávio de Noronha, concedeu o benefício a ele e à mulher, Márcia Aguiar por conta da pandemia do novo Covid, o pedido serã analisado pelo ministro Gilmar Mendes.

Queiroz é apontado como operador financeiro do esquema das "rachadinhas" no gabinete de Flávio Bolsonaro quando ele era deputado estadual do Rio de Janeiro.

O mesmo recurso foi apresentado à Procuradoria-Geral da República (PGR) que pede a manutenção da prisão preventiva de Queiroz e a mulher sob o regime fechado. O ministro Felix Fischer é o relator.

"Ilações e suposições não é bem o que se mostra quando se verificam indícios de influência e contatos do ora paciente Fabrício José Carlos de Queiroz com milicianos, sendo instado a resolver problemas como o de sócio de outro investigado que mostra mensagens com ameaças de 'enforcado com línguas'", escreveu o subprocurador Oppermann Thomé.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247