Segurança reforçada no Complexo do Alemão

Após o tumulto em uma manifestação no Complexo do Alemão, Subúrbio do Rio, o policiamento na comunidade foi reforçado na manhã desta quarta-feira (12); o protesto ocorreu por conta da prisão de dois jovens em uma ação policial

Após o tumulto em uma manifestação no Complexo do Alemão, Subúrbio do Rio, o policiamento na comunidade foi reforçado na manhã desta quarta-feira (12); o protesto ocorreu por conta da prisão de dois jovens em uma ação policial
Após o tumulto em uma manifestação no Complexo do Alemão, Subúrbio do Rio, o policiamento na comunidade foi reforçado na manhã desta quarta-feira (12); o protesto ocorreu por conta da prisão de dois jovens em uma ação policial (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Rio 247 - Após o tumulto em uma manifestação no Complexo do Alemão, Subúrbio do Rio, o policiamento na comunidade foi reforçado na manhã desta quarta-feira (12). O protesto ocorreu por conta da prisão de dois jovens em uma ação policial na última segunda-feira (10).

Apesar de a Polícia Civil expedir mandados de prisão contra os dois garotos por tráfico de drogas e por associação ao tráfico, a população diz que eles são inocentes. Em consequência da mobilização, ativistas teriam ameaçada atear fogo em um caminhão com combustível. As informações são do G1 Rio de Janeiro.

A assessoria da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) informou que um manifestante foi flagrado com uma arma de fogo e, depois de ser abordado pela Polícia Militar (PM), realizou disparos para cima, mas conseguiu fugir. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email